Protesto: organizada do Corinthians faz ameaças e pede saída de Andrés

Torcedores organizados do Corinthians protestaram em frente ao CT do clube nesta sexta-feira (16), diante da má fase da equipe, ameaçada do rebaixamento no Campeonato Brasileiro.

Cerca de 300 torcedores entoaram cânticos dirigidos aos jogadores, inclusive com ameaças, e pediram a saída do presidente Andrés Sanchez. Os torcedores que protestavam não tiveram contato direto com os atletas.

Um dos gritos mais ostensivos entoados pelos corintianos continha ameaça: “Ei, você aí, acabo com a sua vida se o Coringão cair”. Em seguida, mais cantos de intimidação: “Se o Corinthians rebaixar, olê, olê, olá, o pau vai quebrar!”.

Os torcedores também bateram duro no presidente Andrés Sanchez. Uma faixa escrita “Fora Andrés 171” foi pregada na entrada principal do CT Joaquim Grava. Também houve gritos contra o dirigente: “Andrés, c…, fora do Timão!”, e outros em que sugeriam que o dirigente rouba o clube.char anúncio

Como o protesto foi anunciado pela Gaviões da Fiel na véspera, seis viaturas da Polícia Militar foram chamadas ao CT para garantir a segurança. Os carros ficaram do lado de dentro do local, enquanto o protesto foi inteiramente fora. Durou cerca de uma hora e ocorreu de forma totalmente pacífica, enquanto os jogadores faziam o último treino antes do duelo contra o Vasco.

O Corinthians ocupa a 13ª colocação no Campeonato Brasileiro com 40 pontos, três acima da Chapecoense, a primeira equipe na zona de rebaixamento do torneio.

Fonte: R7

Related posts