Empresa brasileira cria 1ª cadeira de rodas operada por expressões faciais

Quem usa cadeiras de rodas ou conhece pessoas com limitações e que necessitam dessas máquinas, sabe que controlá-las pode ser uma grande barreira para os usuários, dependendo de suas deficiências. Por isso, encontrar uma maneira extremamente simples de operá-las pode mudar vidas. É o que a fabricante brasileira Hoobox Robotics conseguiu em parceria com a Intel.

O projeto é possível graças à otimização de software realizado pela Intel

A Wheelie 7, que já vem sendo desenvolvida há mais de dois anos por pesquisadores da Faculdade de Engenharia Elétrica e de Computação da Universidade Estadual de Campinas (FEEC/Unicamp), conta com um kit de inteligência artificial (IA) que permite usar o equipamento motorizado a partir de 10 expressões faciais, incluindo o levantar das sobrancelhas ou o movimento da língua. O projeto é possível graças à otimização de software realizado pela companhia estadunidense de processadores.

A tecnologia “aprende” os gestos do usuário automaticamente e leva apenas sete minutos para terminar a instalação do aplicativo, que deve ser utilizado inicialmente com o auxílio de um cuidador. A Wheelie 7 combina reconhecimento facial, sensores, robótica e uma câmera de profundidade Intel 3D RealSense montada na cadeira.

Com isso, é possível capturar um mapa 3D do rosto e usar algoritmos de IA para processar dados em tempo real. O kit funciona sob pouca luminosidade é compatível com 95% dos modelos de cadeiras de rodas motorizadas disponíveis no mercado.

Protótipo atualmente em teste nos Estados Unidos

Ainda não há previsão de preço ou de uma versão comercial, mas, dado ao interesse dos consumidores, pode ser que a Wheelie 7 chegue muito em breve ao mercado. O protótipo atualmente vem sendo testado por mais de 60 pessoas nos Estados Unidos — a maioria com quadriplegia, esclerose lateral amiotrófica ou deficiências relacionadas à idade.

Segundo o Centro Nacional de Estatística de Lesões Medulares da Medula Espinhal dos ianques, há cerca de 280 mil pessoas com lesões na coluna vertebral e 17,7 mil casos a cada ano. “O Wheelie 7 é o primeiro produto a usar expressões faciais para controlar uma cadeira de rodas. Isso requer precisão e rigor incríveis, e isso não seria possível sem a tecnologia Intel. Estamos ajudando as pessoas a recuperar sua autonomia”, disse o médico Paulo Pinheiro, cofundador e CEO da Hoobox Robotics.

Fonte: TecMundo

Related posts