Puma procura amantes de tecnologia para testar novo tênis

Os tênis que se autoamarram foram um grande destaque em “De Volta para o Futuro II”. Demorou, mas eles se tornaram realidade pelas mãos da Nike, há cerca de três anos.

Há algumas semanas, a marca lançou mais modelos dessa linha. Para fazer frente à novidade, a Puma acaba de apresentar a nova versão do AutoDisc (seu primeiro modelo com autoamarração). Chamado de Fi (a sigla para Fit Intelligence), os tênis se adaptam aos pés do usuário quando se desliza um módulo eletrônico específico sobre sua lingueta.

O grande diferencial da Puma, no entanto, é que ela está em busca de aficionados por tecnologia para testar o modelo. Esses usuários vão oferecer feedback a respeito da usabilidade, do design, da engenharia e do conforto. A fabricante está em busca de testadores porque o Fi é feito para atividades na academia e corridas leves — ou seja, ele precisa ser adequado para essas práticas.

Infelizmente, no entanto, o modelo não oferece recursos como monitoramento de treinos ou medição de calorias gastas. Provavelmente porque a companhia ainda não conseguiu fazer uma versão menos parruda de seu RS-Computer, de 1986, que registrava distância percorrida, tempo e calorias, mas tinha muitos componentes embarcados na sola.

A expectativa é que o Fi seja lançado em 2020 e o preço está estimado em US$ 330. Se você é um daqueles doidos por tecnologia que não dispensa a atividade física, baixe o app de treinamento da Puma, o Pumatrac, para iOS ou Android, e seja informado sobre quando o cadastro para os testes beta começar. Boa sorte!

Fonte: Olhar Digital

Notícias Relacionadas