“Guardião”: Judith enfrenta Gabriel e vai embora do casarão

Com a morte de cinco guardiães, Gabriel (Bruno Gagliasso) faz uma reunião de emergência e decide convocar novos membros para a Irmandade. Ao lado de Padre Ramiro (Ailton Graça), ele diz que Murilo (Eduardo Moscovis), Luz (Marina Ruy Barbosa) e Feijão (Cauê Campos) serão escolhidos para integrar o grupo.

Mas Judith (Isabela Garcia) escuta a conversa e mostra que não concorda com a decisão do guardião-mor. Ele não entende a postura da governanta e ela surpreende ao dizer: “Desculpa, mas eu fui bem clara. Você não pode sair escolhendo guardiães por aí sem consultar o livro! Entendeu agora?”

“Eu sou o Sétimo Guardião. Quem sabe o que é errado ou certo aqui sou eu”, ele revida.

Gabriel explica que precisa tomar uma atitude urgente, já que a relíquia sumiu sem explicações, e também lembra que ela é apenas uma funcionária do casarão e, sendo assim, não pode tomar decisões.

A governanta não deixa barato e acusa Gabriel de não ser um bom guardião-mor: “Tudo está em perigo porque você insistiu em tomar decisões sozinho, em jogar com sua mãe e o Olavo um jogo perigoso… Quando a Irmandade está acima disso tudo!”

A discussão pega fogo e Gabriel diz em alto e bom som que ela não deveria estar ali ouvindo o teor da conversa entre o grupo, uma vez que a reunião é restrita aos guardiães. O filho de Valentina (Lilia Cabral) pede que a funcionária se retire, mas ela o enfrenta: “E se eu me negar?”

“Aí, eu te demito!”, ele dispara.

Sem pestanejar, Judith vai embora da casa. Mas, antes de partir de vez, ela dá uma última olhada no casarão e segue o seu caminho.

Fonte: msn

Notícias Relacionadas