Rivais em São Paulo x Palmeiras, Cuca e Felipão mantêm amizade e já trabalharam juntos no Grêmio

Os caminhos de Cuca e Felipão voltarão a se encontrar no clássico deste sábado, às 19h (de Brasília), no Morumbi, pela décima rodada do Brasileirão. O invicto Palmeiras de Scolari encara o São Paulo de Cuca em reconstrução na busca de uma vitória para encerrar um jejum de sete jogos.

Hoje técnicos de São Paulo e Palmeiras, Cuca e Felipão têm relação de amizade antiga e trabalharam juntos no Grêmio da década de 80. Na época, Scolari foi treinador de Cuca, meia-atacante que foi indicado pelo treinador então em início de carreira.

Em 2013, quando treinava a Seleção, Felipão convidou Cuca para um jantar com o Brasil antes da semifinal da Copa das Confederações com o Uruguai, em Belo Horizonte. Em entrevista ao GloboEsporte.com na época, Scolari elogiou o antigo pupilo.

– Cuca foi um dos melhores meias com quem trabalhei. Ele sabia fazer todas as funções do meio e muito bem. Sempre foi um jogador de equipe.

Na China, Felipão e Cuca também se encontraram. Em 2015, o hoje palmeirense treinava o Guangzhou Evergrande, e o são-paulino comandava o Shandong Luneng. Os times empataram por 2 a 2 em uma partida com gol polêmico no fim que adiou a conquista do título da equipe de Scolari.

Em 2019, o destino recolocou os dois frente a frente na semifinal do Paulistão. Após dois empates sem gols, o São Paulo levou a vaga nos pênaltis dentro da arena do Palmeiras.

Felipão e Cuca também se enfrentaram na China  — Foto: Reprodução/Sina.com

Felipão e Cuca também se enfrentaram na China — Foto: Reprodução/Sina.com

Felipão pode superar recorde de Cuca

Comandante do título brasileiro do ano passado, Felipão pode superar ainda em 2019 um recorde de Cuca no Palmeiras, marca construída em suas duas passagens do hoje são-paulino.

Campeão brasileiro de 2016, Cuca é hoje o treinador que mais vezes dirigiu o Verdão na arena: foram 35 jogos, com 74,2% de aproveitamento.

No comando do Palmeiras desde julho de 2018, Felipão é o segundo no ranking, com 27 partidas e 81,5% de aproveitamento no estádio alviverde.

Fonte: globoesporte

Notícias Relacionadas