Guerra de facções deixa dois baleados em noite de terror no bairro Quintino Cunha

Um intenso tiroteio e a grande movimentação de carros de Polícia e até um helicóptero usando farol noturno sobrevoando as ruas e casas, assustaram os moradores do bairro Quintino Cunha, na zona Oeste de Fortaleza, na noite desta quinta-feira (25). Bandidos de duas comunidades, envolvidos com facções criminosas, se enfrentaram mais uma vez em busca do domínio de território. Duas pessoas acabaram baleadas.

O incidente envolveu criminosos das facções Comando Vermelho (CV) e Guardiões do Estado (GDE) e acabou se transformando em um grande cerco da Polícia Militar. Criminosos que seria do bairro Quintino Cunha tentaram invadir a Favela das Malvinas, para executar inimigos. A sequência de tiros nas ruas levou a Polícia Militar a acionar suas patrulhas, que acabaram sendo recebidas a tiros pelos dois grupos armados.

Um homem foi ferido na troca de tiros com policiais militares e levado para a UPA do bairro Autran Nunes. Outro baleado por inimigos foi socorrido em estado grave para o Instituto Doutor José Frota. Outros dois envolvidos no tiroteio acabaram presos com duas armas de fogo e um colete balístico (à prova de balas).

Armamento

A Polícia apreendeu uma pistola de calibre 380, uma espingarda calibre 12 (escopeta), o colete, além munições. Os dois detidos na operação foram encaminhados ao plantão do 10º DP (Antônio Bezerra) e autuados em flagrante.

Durante toda a noite e começo da madrugada de hoje, as buscas policiais aos criminosos foram feitas na área, mas eles não foram localizados.

Fonte: Cn7

Notícias Relacionadas