Alex Morgan pode estrear neste sábado pelo Tottenham em clássico contra o Arsenal

Depois de um ano sem jogar, Alex Morgan pode enfim voltar aos gramados neste sábado. Principal contratação do Tottenham na temporada, a atacante americana está à disposição dos técnicos Karen Hill e Juan Amoros para o clássico contra o Arsenal, às 13h15 (Brasília), válido pelas quartas de final da Copa da Inglaterra.

No início de setembro, Morgan ainda jogava pelo Orlando Pride, time dos Estados Unidos que defendeu por quatro anos. Mas quando a pandemia do novo coronavirus fez com que a temporada regular da NWSL (liga americana) fosse cancelada, a atacante preferiu buscar um clube que lhe oferecesse uma rotina de treinos consistente. A decisão de seguir rumo à terra da rainha foi tomada em menos de dois dias.

– Eu estava em Orlando com meu time na NWSL, e me toquei que precisava de uma rotina consistente de jogos e treinos, ao menos no restante do ano. Comecei a buscar pela Women’s Super League (WSL, campeonato inglês), e obviamente o Tottenham é um clube gigante que estava no meu radar. Acho que fechamos um acordo em menos de 48 horas – disse.

Alex Morgan, estrela da seleção americana, é o novo reforço do Tottenham — Foto: Divulgação

Vale lembrar que, em maio, a atacante deu à luz sua primeira filha, Charlie. A chegada de Alex Morgan à Inglaterra foi bem recebida pela holandesa Vivianne Miedema, estrela do rival Arsenal, que enalteceu o alto nível do futebol feminino inglês.

– Digo há pelo menos dois anos que a WSL é a liga mais forte. É incrível que jogadoras como ela queiram participar desse torneio. Mal posso esperar para vê-la em campo – afirmou

O técnico Juan Amoros revelou que a decisão de escalar ou não Alex será feita minutos antes do jogo. A curta adaptação de Morgan à rotina do Tottenham pode pesar negativamente, mas o comandante garantiu que ela está disponível.

Alex Morgan e a técnica Karen Hills em treino antes do clássico londrino — Foto: Divulgação

– Não podemos esquecer que a Alex chegou à Inglaterra na semana passada e só participou de alguns treinos, está sem jogar há um ano. Vamos decidir de última hora se ela joga ou não, mas ela pode ser escalada, assim como nossos outros reforços – disse o técnico Juan Amoros.

Quem avançar no clássico Arsenal x Tottenham garante vaga na semifinal da Copa da Inglaterra. O adversário na próxima fase será o Leicester ou o Manchester City, fora de casa, na próxima quinta.

Fonte: Globo Esporte

Notícias Relacionadas