Conheça os jovens que poderão representar o Flamengo contra o Palmeiras após surto de Covid-19

Na última semana, 17 jogadores do Flamengo testaram positivo para o novo coronavírus. Tendo em vista que a equipe já teria outros três desfalques por diferentes lesões, o elenco profissional passou a ter apenas nove peças disponíveis. Sendo assim, o clube precisou promover 11 atletas do time sub-20. Dois deles, Rodrigo Muniz e Gabriel Noga, também acabaram sendo infectados. Os demais jovens ficam à disposição da comissão técnica para a partida contra o Palmeiras, no próximo domingo, que está confirmada após o STJD indeferir o pedido de adiamento do clube rubro-negro.

O Flamengo aguarda todos os resultados dos testes de Covid para o jogo do Palmeiras neste sábado. Somente com este levantamento, o clube fará a atualização na lista de inscritos do Brasileirão. Como os jovens da base já têm contrato profissional e estão registrados no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF, o clube tem até o momento da entrega da súmula para fazer a inclusão através do Gestão Web, sistema de informações da entidade com os clubes.

O elenco do Flamengo no momento (com reforços da base):

  • Goleiros: Diego Alves (lesionado), César, Hugo Souza e João Fernando;
  • Laterais: João Lucas, Ramon e Ítalo;
  • Zagueiros: Natan, Otávio e Milani;
  • Volantes: Thiago Maia, Gerson e Richard Rios;
  • Meias: Arrascaeta e Yuri de Oliveira;
  • Atacantes: Gabigol e Pedro Rocha (lesionados), Lincoln, Pedro, Guilherme Bala e Lázaro.

Com alguns nomes desconhecidos, outros nem tanto, o ge preparou uma apresentação dos 11 jogadores da base que foram chamados ao elenco profissional em meio ao surto de Covid-19. Veja abaixo quem são:

 

Rodrigo Muniz (Testou positivo na noite de sexta)

Rodrigo Muniz — Foto: André Durão
  • Rodrigo Muniz Carvalho
  • Idade: 19 anos
  • Posição: Atacante

Chegou ao Flamengo em 2018 após destaque na Copinha com a camisa do Desportivo Brasil. Integrou o time sub-17 e na temporada seguinte subiu para o sub-20, onde mudou de segundo atacante para centroavante e passou a ter boa média de gols, sendo inclusive artilheiro da Copa do Brasil e campeão brasileiro da categoria. No início do ano, o atacante foi utilizado no time profissional na fase de grupos da Taça Guanabara, sob o comando de Maurício Souza. Entrou em campo em três partidas e marcou um gol, contra o Volta Redonda. Após ser promovido ao elenco principal, Muniz foi mais um a testar positivo na noite da última sexta-feira.

Natan

Natan Flamengo — Foto: Marcelo Cortes / Flamengo
  • Natan Bernardo de Souza
  • Idade: 19 anos
  • Posição: Zagueiro

Nascido no interior de São Paulo e criado no Espírito Santo, o jogador começou como lateral, mas por conta da altura (1,88m), passou a jogar como zagueiro logo que chegou ao Flamengo, em 2017, com 16 anos. Com quatro meses no time sub-17 o jogador já era capitão da equipe. Na base rubro-negra, conquistou títulos como Copa do Brasil Sub-17 e Campeonato Brasileiro Sub-20.

Guilherme Bala

Guilherme Bala Flamengo Sub-20 — Foto: Flamengo / Divulgação
  • Guilherme da Silva Gonçalves
  • Idade: 19 anos
  • Posição: Atacante

Carioca, o jogador chegou ao Madureira aos 16 anos, ainda no futsal. Se destacou e foi levado para os campos. Pouco mais de um ano depois, fez sua estreia como profissional pelo Tricolor Suburbano justamente contra o Flamengo, no Maracanã, no Campeonato Carioca de 2019. No mesmo ano, chegou ao sub-20 do Flamengo e tomou conta da posição, fazendo gols importantes para a conquista do Campeonato Brasileiro da categoria. No início do ano, atuou por alguns minutos na partida contra o Fluminense, na Taça Guanabara.

Lázaro

Lázaro gol México Brasil sub-17 Flamengo — Foto: Alexandre Loureiro/CBF
  • Lázaro Vinícius Marques
  • Idade: 18 anos
  • Posição: Atacante

Nascido em Belo Horizonte-MG, Lázaro chegou ao Flamengo aos oito anos de idade. É considerado uma das principais joias da base rubro-negra. Em 2019 teve um ano mágico, conquistando o Campeonato Brasileiro nas categorias Sub-17 e Sub-20 e marcando o gol do título mundial da seleção brasileira sub-17. Ainda com o técnico Jorge Jesus, o jovem chegou a fazer treinos com o elenco profissional.

Gabriel Noga (Testou positivo na noite de sexta)

Gabriel Noga Flamengo Ninho do Urubu — Foto: André Durão/GloboEsporte.com
  • Gabriel Rodrigues Noga
  • Idade: 18 anos
  • Posição: Zagueiro

Natural de Volta Redonda, o zagueiro chegou ao Flamengo aos dez anos de idade, ainda para jogar futsal pelo time de coração. O jogador de 1,83m de altura é visto como como uma das principais promessas. Só no ano de 2019 ele conquistou títulos como o Campeonato Brasileiro nas categorias Sub-17 e Sub-20, a Supercopa do Brasil Sub-20 e o torneio OPG, além de ter feito parte da seleção brasileira campeã do Mundial Sub-17. No início do ano, chegou a ser relacionado no time profissional na disputa da Taça Guanabara, mas não entrou em campo. Após ser promovido ao elenco principal, Noga também testou positivo na noite da última sexta-feira.

Richard Rios

Richard, do Flamengo — Foto: André Durão
  • Richard Rios Montoya
  • Idade: 20 anos
  • Posição: Volante

Colombiano, Richard chegou ao Flamengo em 2019, após se destacar no futsal, atuando pela seleção de seu país. Após disputar uma competição no Rio de Janeiro, recebeu o convite para fazer testes no futebol e passou a atuar pelo time sub-20 rubro-negro. Já em 2019, virou titular e foi campeão brasileiro da categoria. No início da temporada, fez parte da equipe que disputou a Taça Guanabara e atuou em duas partidas do time profissional.

Yuri de Oliveira

Yuri de Oliveira Flamengo — Foto: Marcelo Cortes / Flamengoo
  • Yuri de Oliveira
  • Idade: 19 anos
  • Posição: Meia

Nascido em Vila Velha e criado em Vitória, no Espírito Santo, Yuri chegou ao Flamengo em 2014, na equipe sub-13. Em 2018, se destacou na conquista da Copa do Brasil Sub-17 e no ano seguinte, com 18 anos, foi importante no título brasileiro sub-20. O jogador foi o camisa 10 da equipe na Libertadores Sub-20, disputada em fevereiro deste ano, e se preparava para disputar o Brasileirão da categoria, até ser promovido ao profissional.

Otávio

Otávio Flamengo — Foto: Arquivo pessoal
  • Otávio Ataíde da Silva
  • Idade: 18 anos
  • Posição: Zagueiro

Otávio chegou ao Flamengo em 2016 e ganhou notoriedade na base rubro-negra ao fim de 2018, quando teve uma oportunidade numa situação semelhante à atual: foi titular na final da Copa do Brasil Sub-17 após um surto de caxumba no elenco. Na oportunidade, ele foi bem e ajudou a equipe a conquistar o troféu. Em 2019 ele foi titular na campanha do título brasileiro sub-17.

Milani

Milani Flamengo — Foto: Marcelo Cortes / CR Flamengo
  • Vinícius Milani Bueno
  • Idade: 19 anos
  • Posição: Zagueiro

Milani foi contratado para o sub-20 do Flamengo no início deste ano, após se destacar na Copa SP de Futebol Júnior, atuando pelo Real Brasília, do Distrito Federal. Por conta da paralisação do futebol em meio à pandemia do coronavírus, a trajetória do zagueiro, natural de Valinhos-SP, é curta até aqui. O jogador fez duas partidas pela Taça Guanabara Sub-20 e se preparava para disputar o Brasileirão da categoria, até ser chamado para o profissional.

João Fernando

João Fernando, Flamengo — Foto: Divulgação
  • João Fernando Monteiro Siqueira
  • Idade: 19 anos
  • Posição: Goleiro

No clube desde os nove anos de idade, João Fernando é visto como uma joia rubro-negra. Com passagens pelas seleções de base, colecionou títulos pelo Flamengo, como a Copa do Brasil Sub-17 em 2018 e o Brasileirão Sub-20 em 2019. Goleiro pegador de pênaltis, João chegou a integrar o grupo profissional na disputa da Florida Cup, no ano passado, quando o time rubro-negro foi campeão. Com os desfalques de Diego Alves e César, no início de setembro, o jogador de 1,88m de altura já havia sido chamado para compor o elenco profissional. Agora, novamente.

Ítalo

Ítalo Flamengo — Foto: Marcelo Cortes / CR Flamengo
  • José Ítalo Monteiro Fidelis dos Santos
  • Idade: 19 anos
  • Posição: Lateral

Natural de João Pessoa-PB, o lateral-esquerdo chegou ao Flamengo para jogar no sub-13. O jogador morou por muito tempo no alojamento do Ninho do Urubu, e se mudou cinco dias antes da tragédia que vitimou dez meninos, em fevereiro do ano passado. O ano de 2019, dentro de campo, foi bom para o atleta, que conquistou Carioca, OPG, Brasileiro e a Supercopa do Brasil, na categoria sub-20. No início do ano de 2020 ele fez parte do grupo que disputou a Taça Guanabara sob o comando de Maurício Souza, mas não entrou em campo.

Fonte: Globo Esporte

Notícias Relacionadas