Policial

Policial 305

Um homem de 26 anos foi preso suspeito de participar de um esquema de clonagem de veículos comandado por organização criminosa. O suspeito foi localizado em uma casa na comunidade Conjunto Alvorada, em Fortaleza.

Na operação realizada pela Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) foram apreendidos diversos espelhos de placas veiculares virgens, matrizes de números e letras, uma prensa hidráulica, rolos para a pintura dos dígitos, além de forno para secagem de tintas e placas já confeccionadas.

O suspeito que já possui antecedentes criminais por roubo, foi autuado por porte ilegal de arma de fogo, tráfico de drogas e associação para o tráfico.

 

Fonte: G1-CE


Mãe e filha foram presas na noite desta quarta-feira (6), por tentar esconder drogas dentro de um aparelho de DVD, no município de Senador Pompeu, no Sertão do Ceará. De acordo com a polícia, elas são suspeitas de liderar o tráfico de drogas na região.

A polícia recebeu uma denúncia de venda de drogas em uma casa. Chegando à residência, encontrou duas armas, dinheiro trocado, drogas, munição e cartões de crédito.

Outras duas mulheres, que estavam no local, também foram presas. As quatro foram levadas para a delegacia da cidade e vão responder por tráfico e associação para o tráfico.

 

Fonte: G1-CE


Um homem acusado de ser o mandante da morte da ex-companheira foi preso em Pedra Branca, no Sertão do Ceará, na manhã desta quarta-feira (30). Antônio Silvano Anchieta, de 43 anos, conhecido como "Chega Mais", foi preso por policiais civis no Bairro Santa Maria.

Com ele a polícia aprendeu 10 quilos de maconha, 700 gramas de cocaína, balança de precisão, além de máquina para ensacar e embalagens para a droga.

Fim do relacionamento

Francisca Rosilene Soares Martins, de 30 anos, ex-mulher de Silvano, foi morta em 8 de agosto de 2017, atingida por vários tiros quando estava em um ponto de ônibus, morrendo no local.

Durante as investigações, ficou constatado que o crime foi encomendado por Silvano, que estava preso na ocasião. Ele não aceitava um novo relacionamento da ex-companheira, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Ceará.

Com quatro passagens por tráfico de drogas, uma por favorecimento pessoal e uma por oferecer bebida alcoólica a adolescente, Antônio Silvano Anchieta foi levado à Delegacia Municipal Pedra Branca, onde também foi autuado por tráfico de drogas.

 Homem foi preso com maconha, coacaína e material para preparar a droga para venda (Foto: SSPDS/Divulgação)

Homem foi preso com maconha, coacaína e material para preparar a droga para venda (Foto: SSPDS/Divulgação)

Fonte: G1-CE

  


Um adolescente de 17 anos foi morto em Fortaleza durante uma abordagem policial, depois que um outro carro passou disparando contra eles.

O caso ocorreu no Bairro José Walter na noite desta quinta-feira (31). Dois homens que estavam em uma motocicleta foram parados pela polícia. Enquanto os agentes os abordavam, um carro parou diante deles e um outro homem começou a disparar contra a dupla e o carro de polícia.

Houve troca de tiros entre os agentes de segurança e os suspeitos dentro do veículo. Márcio Gabriel Mendes Ferreira, de 17 anos, foi atingido e morreu no local.

De acordo com policiais presentes no local, os homens que atiraram conseguiram fugir.

 

Fonte: G1-CE


Hiago Pereira da Silva, da 24 anos, foi condenado a 15 anos de prisão pela morte de Fabrício Martins Teixeira. O crime foi em Araguaína, norte do Tocantins, no ano passado. Segundo a denúncia do Ministério Público Estadual, o estudante foi morto após descobrir que tinha sido alvo de um vídeo íntimo feito por Silva no banheiro da empresa onde os dois trabalhavam.

Segundo a defesa de Hiago Pereira, a vítima pediu dinheiro para não entregar o vídeo ao departamento de recursos humanos da empresa. A quantia acertada seria de R$ 4 mil. O jovem confessou o crime à Polícia Civil.

Fabrício desapareceu no dia do próprio aniversário e foi encontrado um mês depois, debaixo de uma ponte em Araguaína. "Ele disse que houve uma discussão entre os dois. O relato do Hiago é que ele estava com uma faca e teria furado a vítima. Mas, dentro da dinâmica do crime, nós verificamos que todas as perfurações foram feitas pelas costas. Então, não acredito que houve luta corporal", comentou o delegado Rerisson Macedo, responsável pelas investigações.

O acusado foi a júri popular nesta quinta-feira (25) e foi condenado por homicídio qualificado, praticado por motivo fútil e meio cruel, por dissimulação, por ocultação de cadáver e também por fraude processual. Ainda cabe recurso à sentença, mas ele começa a cumprir a pena imediatamente.

O corpo de Fabrício foi encontrado no dia 3 de junho de 2017, debaixo de uma ponte, no parque mais movimentado da cidade. O caso causou comoção em Araguaína.

 Fabrício Martins foi assassinado em Araguaína (Foto: Reprodução/Facebook)

Fabrício Martins foi assassinado em Araguaína (Foto: Reprodução/Facebook)

O caso

O estudante Fabrício Martins Teixeira, de 23 anos, desapareceu na sexta-feira, 19 de maio de 2017, em Araguaína, norte do Tocantins. Um dia após o sumiço, a motocicleta dele foi encontrada abandonada em uma rua no Jardim Paulista. Nesse dia, a família foi até a Polícia Militar para comunicar o caso. Fabrício era estudante de educação física.

O irmão dele, Ricardo Teixeira, disse que ele saiu de casa na sexta-feira sem documentos ou dinheiro e não deu mais notícias. Segundo a polícia, Fabrício foi morto na casa do suspeito, no bairro São João.

A moto foi encontrada sete quilômetros do local no bairro Jardim Paulista. O corpo de Fabrício teria sido levado em um carrinho de mão e jogado em baixo de uma ponte próximo do Parque Cimba.

No dia, parentes e amigos planejavam a festa de aniversário do rapaz, que completou 23 anos dois dias depois. O irmão conta que ele também estava ansioso para ir a uma festa da faculdade no sábado. "Eu cheguei a ir à festa para ver se ele apareceria e nada. Ele não estava lá", contou.

 

Fonte: TV ANHANGUERA

 


Dois homens foram presos na madrugada desta terça-feira (22) em Canindé, no Sertão Central, suspeitos de tráfico de drogas.

De acordo com a polícia, que agentes tentaram abordar um homem, mas ele acabou fugindo para uma fazenda.

Foi feita uma inspeção no local e foram encontrados mais de dois quilos de cocaína e um de crack.

A polícia conseguiu prender o suspeito, que tinha fugido, e outro homem que estava na fazenda.

Eles foram levados para a Delegacia Regional de Canindé.

 

Fonte: G1-CE


Apontado por uma testemunha do caso Marielle Franco como um dos mandantes do assassinato, o ex-PM Orlando Oliveira de Araújo, conhecido como Orlando da Curicica, prestou depoimento à polícia durante toda a tarde desta quarta-feira (16), no presídio de segurança máxima de Bangu 1, onde está preso. Araújo afirmou aos policiais que está sendo usado como bode expiatório e negou envolvimento com o crime.

— Ele disse que caiu de bucha nessa história, que não tem nada a ver com o assassinato — afirmou o advogado Paulo Andrade, que o acompanhou no depoimento.

Segundo o ex-PM, a testemunha que o acusou de participação no crime é um policial militar que já trabalhou com ele em serviços de segurança e que, por conta do rompimento dessa parceria, teria um motivo pessoal para incriminá-lo.

Investigações do MP (Ministério Público) apontam Araújo como líder de milícia em Curicica, na zona oeste, onde nasceu e foi criado. Sua defesa nega a informação e diz que ele é um líder comunitário da região. Araújo está preso sob a acusação de homicídio, mas não tem nenhuma condenação.

Ele estava preso em Bangu 9, mas, na semana passada, foi transferido para o presídio de segurança máxima de Bangu 1, onde cumpre um regime restritivo. Desde então, ele não se alimentou porque teme ser envenenado e está muito debilitado, segundo o advogado. A Justiça autorizou a transferência dele para um dos quatro presídios federais de segurança máxima, para que ele não interfira na investigação do caso Marielle. A defesa dele já entrou com um habeas corpus para tentar reverter essa decisão.

Os advogados ainda pediram à corregedoria o afastamento do delegado Giniton Lages, da DH (Divisão de Homicídios), da investigação. O delegado esteve em Bangu 1 para ouvir Araújo na última quinta-feira (10), mas o ex-PM disse que não quis falar com o delegado porque se sentiu ameaçado.

 

Fonte: R7


Cinco pessoas foram presas nesta segunda-feira (14) e uma morreu em confronto com a polícia durante operação para desarticular quadrilha suspeita de cometer homicídios e outros crimes em Ibicuitinga, na Região do Jaguaribe.

Segundo o Ministério Público, o grupo também é envolvido em roubos de veículos, assaltos a bancos e carros-fortes, tráfico de drogas, extorsão, estelionato, receptação e porte e posse ilegal de armas de fogo. Além disso, eles seriam responsáveis pela quase totalidade dos homicídios ocorridos na cidade.

A operação do Ministério Público do Ceará (MPCE) ocorreu no Distrito de Canindezinho, em Ibicuitinga, onde foram cumpridos mandados de prisão e de busca e apreensão autorizados pela Justiça.

Foram presos Diego Wallison de Sousa Damasceno, Adairton Maciel Sampaio, Antônio Maciel Sampaio – estes considerados de maior periculosidade – Francisco Edson de Sousa Lima e Elton Jaguaribe da Silva. Um adolescente foi apreendido.

Flávio Nobre Carneiro, apontado como um dos líderes da quadrilha, morreu durante confronto com policiais. Ele chegou a ser socorrido no Hospital de Morada Nova, mas não resistiu aos ferimentos.

Durante a ação, foram apreendidas seis armas de fogo: quatro revólveres e duas espingardas calibre 12; e três veículos roubados: dois carros e uma motocicleta. Também participaram da Operação Canindezinho duas equipes da Companhia de Rondas Ostensivas com Cães (Roca).

 

Fonte: G1-CE


Suspeito de participação em cinco assassinatos nos últimos meses, o dono de uma borracharia e de uma boate foi preso no município de Campo Novo do Parecis, a 397 km de Cuiabá, na quarta-feira (9). José Elgy Alves Silva, de 31 anos, seria membro de uma facção criminosa e se vangloriava dos crimes posando com cadáveres em fotos publicadas nas redes sociais.

G1 não conseguiu localizar a defesa dele.

Na delegacia, segundo a polícia, José confessou friamente os crimes e não mostrou arrependimento. No depoimento, ele afirmou ainda que as vítimas imploravam pela vida antes de serem mortas.

Em grupos de redes sociais, o suspeito se vangloriava das mortes e aparece com cadáveres humanos e perto de corpos em decomposição. As vítimas, de acordo com a polícia, foram mortas por ele.

As investigações contra ele tiveram início depois que um vídeo com a execução de um homem começou a circular nas redes sociais.

À polícia, ele negou que faça parte de facções. As investigações, porém, apontam que ele é responsável pela aplicação de penalidades, dentro da hierarquia do grupo.

Além da prisão, foram cumpridos mandados de busca e apreensão. Nesta quinta-feira (10), a polícia recolheu os restos mortais das vítimas numa área rural do município.

 

Fonte: G1-MT


Um policial militar sofreu uma tentativa de assalto na manhã deste domingo (6), na Av. Dr. Theberge, no Bairro Presidente Kennedy, em Fortaleza. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Civil (SSPDS), o policial foi abordado por dois homens, que levaram os seus pertences.

Na ação, o PM reagiu e atirou contra um dos homens, que foi socorrido por populares e levado a uma unidade de saúde da capital. O outro suspeito de participar da ação, fugiu ao ouivir os disparos feitos pelo policial. A polícia segue em busca do fugitivo, mas até a tarde deste domingo ele ainda não havia sido localizado e nem identificado.

Denúncias

A polícia perde que a população contribua com as investigações repassando informações que possar levar ao homem que fugiu. As denúncias podem ser encaminhadas para o 10º Distrito Policial através do telefone 3101.4919. O sigilo do informante é garantido pela polícia.

 

Fonte: G1-CE


Página 4 de 22

Commentários

Share on Myspace

Compartilhar

COMPARTILHAR

Previsão do Tempo em Mauriti-CE

Agenda Cultural do Cariri

  • felix.jpg
  • juazeiro.jpg
  • 13.jpg
  • 15.jpg
  • 25.jpg
  • 42.jpg
  • damiao2.jpg
  • lora.jpg
  • lovyle.jpg
  • marcio.jpg
  • moto2.jpg
  • net.jpg