Últimas Noticias

Últimas Noticias 998

Written by Published in Últimas Noticias Novembro 29 2016

 A Polícia Civil revelou, nesta segunda-feira (28), ter realizado uma das maiores apreensões de medicamentos controlados que haviam sido desviados por uma quadrilha e que estavam sendo vendidos de forma ilegal em Fortaleza. Nada menos, que 140 mil comprimidos de comprimidos de venda e uso controlados foram confiscados na “Operação Tarja Preta 2”.

Três pessoas foram presas na operação. Entre elas, um homem de 51 anos de idade, detido pelos policiais da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD) no bairro de Fátima. Os comparsas foram detidos na Cidade dos Funcionários e Parquelândia.

Conforme as autoridades policiais, José Leonardo Sales de Freitas, 51 anos, foi  preso no bairro de Fátima, na manhã de segunda-feira (28). Ele é irmão de Evangelista Sales de Freitas, 44 anos, preso em outubro passado na primeira fase da operação.

Já na semana passada, ainda na terça-feira (22), a Polícia havia prendido Raimundo Nonato Macedo da Costa, no bairro Cidade dos Funcionários. Ele era investigado desde o primeiro desdobramento da investigação.  Na quinta-feira (24) foi detido o terceiro envolvido. Trata-se de Antônio Gotardo Sousa de Araújo, 57 anos.

Tarja preta

De acordo com as autoridades, entre os 140 mil comprimidos estão esteroides, anabolizantes, abortivos, inibidores de apetite e outros fármacos. Raimundo Nonato foi o primeiro a ser detido quando se preparava para fazer uma entrega de grande quantidade de medicamentos. Ele foi apanhado pela Polícia na Cidade dos Funcionários. Em seguida, os policiais foram até a casa dele e encontraram diversas caixas contendo, nada menos, que 98.030 comprimidos e 746 frascos e ampolas.

Nos dias seguintes os dois comparsas foram também capturados e mais medicamentos confiscados.  A Polícia acabou ainda descobrindo que os remédios de venda e usos controlados eram contrabandeados de diversos países.

Fonte: CearáNews7


Written by Published in Últimas Noticias Novembro 29 2016

Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) informa aos usuários que na próxima terça-feira dia 29 de Novembro o abastecimento de água da cidade será paralisado para serem executado os serviços de limpeza em todos os seus reservatórios.

Por esse motivo, a empresa recomenda que os usuários venham a se prevenir enchendo os seus reservatórios. O serviço deve voltar a normalidade somente na quinta-feira dia 01 de Dezembro. Veja a nota:

NOTA DE UTILIDADE PÚBLICA

 

A Cagece de Milagres vem informar aos seus usuários que encham os seus reservatórios, pois terça-feira dia 29 de Novembro, o sistema de abastecimento de água da cidade será paralisado para serem executado os serviços de limpeza em todos os seus reservatórios voltando ao funcionamento normal somente na quinta-feira dia 01 de Dezembro.

Atenciosamente 
Pedro Raimundo Neto
Gestor de núcleo

 

 

Fonte: Okariri


Written by Published in Últimas Noticias Novembro 28 2016

A loja fica a um quarteirão da SSPDS, na Avenida Bezerra de Menezes

Uma quadrilha composta por três homens e uma mulher foi presa na madrugada desta segunda-feira (28) após arrombar uma loja localizada na Avenida Bezerra de Menezes, no bairro São Gerardo, a apenas um quarteirão e a 100 metros da sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Esta não é a primeira vez que a filia da rede “Lojas Americanas” localizada na Avenida Bezerra de Menezes sofre ataque de bandidos. No começo do ano, quatro bandidos invadiram o local em torno de 21 horas, renderam clientes e funcionários e roubaram dinheiro e celulares, mas parte do bando acabou cercado e preso pela Polícia.

Flagrante

Já na madrugada de hoje, os bandidos agiram de forma diferente. Realizaram um arrombamento e conseguiram acesso à gerência, onde está instalado o cofre. Conseguiram abrir o equipamento e retirar o dinheiro que ali estava. A quantia não foi revelada.

Em meio à ação dos bandidos, o alarme disparou e em poucos minutos o prédio foi cercado por viaturas do Ronda do Quarteirão e do Policiamento Ostensivo Geral (POG), além de uma patrulha destinada a manter a segurança no entorno da sede da SSPDS.

Cercados, os ladrões acabaram se rendendo e foram levados para o plantão do 34º DP (Centro), onde estão sendo autuados em flagrante.

Fonte: CearáNews7


Written by Published in Últimas Noticias Novembro 28 2016

Material apreendido com os individuos | Foto: DivulgaçãoMaterial apreendido com os indivíduos 

Na tarde deste domingo (27/11), o destacamento de Policia Militar (PM) de Milagres-CE, foi acionada através do 190, e informado que no sitio Taboquinha, na zona rural do município, dois indivíduos estavam tentando arrombar uma residência. Os policiais foram atender a ocorrência e antes de chegarem ao local informado avistaram dois indivíduos em atitudes suspeitas na BR 116 próximo ao Posto Magnólia.

Quando os indivíduos avistaram a viatura da PM tentaram empreender fuga porem após uma rápida perseguição foram detidos e ao serem questionados pelos policiais confessaram que haviam furtado uma residência. Os meliantes foram identificados sendo Jonas Gabriel Morais,  de 26 anos de idade, e o menor C. D. A. S de 17 anos de idade.

Os infratores foram conduzidos à Delegacia Regional de Brejo Santo, para serem adotadas as medidas cabíveis, sendo os acusados autuados nos artigos 155 do CPB, e ART. 244-B do ECA, o maior de idade recolhido à Cadeia Publica e o menor de idade entregue ao Conselho Tutelar.

A ação foi realizada pelo Sargento Siqueira juntamente com os Soldados Lima e Jean Landim

Fonte: Okariri


Written by Published in Últimas Noticias Novembro 28 2016

Os municípios de Missão Velha e Mauriti estão entre as 14 cidades em situação de risco de surto de dengue, chikungunya e zika. Os dados são do Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa) de 2016, realizado pelo Ministério da Saúde, em conjunto com os municípios.

Missão velha registrou o maior Índice de Infestação Predial (IIP) 29,6. Seguidos de Mauriti (27,1), Capistrano (14,5) Canindé(13,7) Baturité (8,5), São Luís do Curu (8,5), Varjota (7,2) Farias Brito (6,9).

O levantamento é feito a partir da adesão voluntária de municípios que possuem mais de 2 mil imóveis e foi realizado em outubro e novembro. Mas o Ministério da Saúde vai propor que a participação, no levantamento, dos municípios com mais de 2 mil imóveis seja obrigatória, a partir de 2017.

Com base nas informações coletadas, o gestor pode identificar os tipos de depósito onde larvas foram encontradas e, consequentemente, priorizar as medidas mais adequadas para controle no município.

Fonte: Okariri


Written by Published in Últimas Noticias Novembro 28 2016

Secretários estaduais de educação dizem que precisam de tempo e de recursos para executar as mudanças no ensino médio previstas na Medida Provisória 746/2016, em tramitação no Congresso Nacional. Eles concordam que a etapa precisa de mudanças e de se adequar aos interesses dos estudantes, mas pedem algumas alterações no texto da medida. O texto da MP está em análise em uma comissão mista. A intenção dos parlamentares é que o relatório do senador Pedro Chaves (PSC-MS) seja entregue nesta semana. A partir daí, o documento poderá ser discutido e votado.

Uma das principais demandas dos gestores estaduais é a ampliação da duração da política de fomento, na qual o governo federal transfere recursos adicionais para os estados ampliarem a jornada escolar para 7 horas diárias. Atualmente, o ensino médio deve ter pelo menos 4 horas por dia. Pelo texto original, o apoio deve durar no máximo quatro anos.

“É inadmissível a gente pensar que [o fomento] possa encerrar com um ou dois anos, porque isso é um investimento de longo prazo, tem que diluir não só melhorias de estrutura física das escolas, mas estrutura de custeio”, diz o presidente do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), Fred Amâncio.

Amâncio é secretário de Educação de Pernambuco, estado que é considerado referência pelo Ministério da Educação (MEC) na implantação do tempo integral no ensino médio. Atualmente, segundo o secretário, 43% das escolas funcionam com uma jornada de 7 horas diárias, ou seja, os estudantes ficam mais tempo na escola e têm atividades no contraturno.

Amâncio atribui ao tempo integral o fato de o ensino médio do estado ter saído da 21ª posição em 2007 no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), que mede a qualidade da educação por meio de avaliações em português e matemática, e ter alcançado o topo do ranking, em 2015, ao lado de São Paulo.

“Costumo dizer que o Brasil tem, no ensino médio, educação parcial. Em todos os países referência do mundo, os jovens ficam 7 horas na escola. No Brasil, a maioria dos estudantes fica 4 horas”, diz. “É importante a gente dar um passo no processo de ampliação e isso envolve investimento. A gente tem levado essa discussão não apenas nas audiências públicas, mas em conversas com o MEC. O programa de fortalecimento é muito importante”, completa.

A MP da Reforma do Ensino Médio estabelece que a jornada escolar deve ser “progressivamente ampliada”, mas não dá um prazo para que todas as escolas concluam esse processo. O Programa de Fomento à Implementação de Escolas em Tempo Integral oferece, para o ensino médio, R$ 2 mil a mais por aluno por ano para ajudar os estados.

Pelo Plano Nacional de Educação (PNE), lei aprovada em 2014, o Brasil deve ter pelo menos 25% dos estudantes em tempo integral até 2024 – atualmente, são 18,7% levando em consideração toda a educação básica. No ensino médio, são apenas 6,4% das matrículas.

Currículo

Além da prorrogação da jornada, a MP estabelece que parte da formação do estudante do ensino médio seja voltada para os conteúdos da Base Nacional Comum Curricular, que ainda está em discussão no MEC, e parte destinada à formação em uma ênfase escolhida pelo próprio estudante. As ênfases serão em linguagens; matemática; ciências da natureza; ciências humanas; e formação técnica e profissional.

Segundo Amâncio, entre os pedidos dos gestores está a maior flexibilidade para que os estados elaborem os próprios currículos. Uma das possibilidades, ainda em discussão entre os estados, é que possam definir, de acordo com a realidade de cada local, outras ênfases de formação.

“Acreditamos que os cinco [itinerários] que estão propostos são importantes. Mas por que não ter a possibilidade de construir algo ainda diferenciado? Já que existe a visão de flexibilidade, pode-se pensar em algo que possa atender os estados. Por exemplo, em alguns estados, o aspecto cultural é muito forte, no Nordeste temos isso muito arraigado. Por que não ter algumas linhas de itinerário formativo cultural?”, diz.

O secretário diz ainda que essa mudança estrutural não será algo simples e que os estados precisarão de tempo. “Acho que precisa deixar mais claro [na MP], que as redes estaduais vão ter mais autonomia para estabelecer o seu planejamento de implantação ao longo dos anos. Isso não é um processo, envolve investimento, envolve mudanças em toda uma cultura.”

Segundo ele, havia um entendimento de que com a conclusão da Base Nacional Curricular, esse modelo já estaria disponível em 2018. “Nossa expectativa é que o texto venha prevendo um planejamento da implantação ao longo dos anos, porque não é da noite para o dia que se faz uma mudança desse porte.”

Relator

Presente na reunião do Consed, que ocorreu até a última sexta-feira (25), em Brasília, o relator da MP na comissão mista que analisa a medida, senador Pedro Chaves (PSC-MS), disse que pretende estender a duração do fomento do MEC aos estados por dez anos. O anúncio foi bem visto pelos secretários.

Outra alteração que o senador deve fazer na MP é propor a prorrogação da jornada para 5 horas por dia já a partir de 2018 para todos os estados. Segundo Amâncio, um prazo mais factível seria que isso pudesse ser feito até 2022.

O senador deverá apresentar o relatório com as alterações na próxima quarta-feira (30). O relatório deverá ser discutido e votado na comissão mista que analisa a medida, onde poderá sofrer alterações. O documento deverá passar ainda pelos plenários da Câmara e do Senado. O prazo para que todo o processo seja concluído é março de 2017.

Fonte: CearáAgora


Written by Published in Últimas Noticias Novembro 27 2016

Juazeiro do Norte não tem levado sorte com todos os seus últimos 16 anos de administração. Todos os prefeitos deixaram o cargo: Carlos Cruz, Raimundo Macedo, Manoel Santana e de novo Raimundão em meio a denúncias de fraudes com recursos públicos. O último, Raimundão, está afastado e seu substituto interino Luiz Ivan em menos de um mês de mandato já enfrenta um provável pedido de impeachment.

Mas, os escândalos estão longe de chegar ao fim. O novo prefeito Arnon Bezerra nem tomou posse e já está envolvido num escândalo nacional denunciado neste domingo pelo jornal OGlobo. O salário de Arnon a partir de janeiro será de R$ 33 mil, superior ao do presidente Michel Temer, mesmo com Juazeiro estando com suas finanças quebradas.

Para complicar a situação de Arnon e comprometer sua imagem antes mesmo de sua posse, desgastando-o no Cariri, no Ceará e no Brasil, é que a Câmara de Juazeiro aprovou esse supersalário, mas o seu irmão, o prefeito interino Luiz Ivan se recusou a vetar. Ao contrário, sancionou a nova lei.

Assim, o prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra, assume como o prefeito marajá do Brasil. Um péssimo início de mandato para quem tem tantos compromissos a cumprir e tão pouco dinheiro no caixa para dar respostas ao povo que acreditou em suas promessas.

Ceara Newa7


Written by Published in Últimas Noticias Novembro 27 2016
Entre novembro e março o Centro de Liderança Pública ministrará em São Paulo, o curso de “Liderança nos Primeiros 100 Dias de Governo”. Com o objetivo de preparar os recém eleitos prefeitos e vice-prefeitos para a tomada de decisões estratégicas através do conhecimento prático e teórico e empoderá-los com técnicas de liderança adaptativa, ferramentas de diagnóstico e planejamento. 

 

Guilherme Landim, médico e prefeito de Brejo Santo e a secretária de Educação Básica Jacqueline Braga,  foram convidados e serão palestrantes do curso ao lado de grandes nomes como:

 

Humberto Dantas - Doutor e mestre em Ciência Política pela Universidade de São Paulo (USP).

 

Luiz Felipe D'ávila - Diretor-presidente do CLP. Formado em ciências políticas pela Universidade Americana em Paris e mestre em administração pública pela Harvard Kennedy School..

 

Patrícia Tavares - Graduada em Administração Pública, mestre em Políticas de Governo e Doutora em Administração de Empresas pela EAESP/FGV. Fez cursos de especialização em Negociação em Harvard e na Kellogg Graduate School of Management.

 

 

 

Já confirmaram a presença os gestores eleitos dos municípios paulistas de Adamantina, Araçatuba, Birigui, Botucatu, Fernandópolis, Franca, Jaguariúna, Jales, Olímpia, Rio Claro, Santa Fé do Sul, São Simão, Sorocaba, Tupi Paulista e Votorantim. De Santa Catarina, os municípios de Blaneário Camburiú, Balneário Piçarras, Bombinhas, Brusque, Chapecó, Itajaí, Itapema, Luiz Alves, Penha, Porto Belo, Rio Negrinho. E do Rio de Janeiro, Angra dos Reis, Barra Mansa, Cachoeiras de Macacu, Mesquita, Nova Iguaçu, Resende, Saquarema, Três Rios e Volta Redonda. 
 
Por: Farias Júnior

 


Written by Published in Últimas Noticias Novembro 24 2016

Em mais ano seguido de estiagem no Ceará, o Governo Federal reconheceu a situação de emergência em 104 das 184 cidades do estado em decorrência da falta de chuva. A portaria de reconhecimento foi divulgada no Diário Oficial da União desta terça-feira (23).

Com a medida, as ações emergenciais continuarão a ser implementadas nesses municípios para atender a população que sofre com os efeitos da seca.

Dentre os municípios do Ceará estão Araripe, Assaré, Aurora, Barro, Brejo Santo, Campos Sales, Farias Brito, Jardim, Jati, Mauriti, Missão Velha, Penaforte, Potengi, Salitre, Santana do Cariri, Tarrafas.

Fonte: Okariri


Página 70 de 77

Commentários

Share on Myspace

Compartilhar

COMPARTILHAR

Previsão do Tempo em Mauriti-CE

Agenda Cultural do Cariri

  • felix.jpg
  • juazeiro.jpg
  • 13.jpg
  • 15.jpg
  • 25.jpg
  • 42.jpg
  • damiao2.jpg
  • lora.jpg
  • lovyle.jpg
  • marcio.jpg
  • moto2.jpg
  • net.jpg