Fortaleza busca postura mais ofensiva em primeiro teste após saída de Enderson Moreira

À espera do desfecho positivo com o técnico argentino Ariel Holan, o Fortaleza deu o primeiro passo para a volta por cima na temporada. Após a eliminação frustrante para o Bahia na Copa do Nordeste e a demissão de Enderson Moreira, a equipe do Pici goleou o Caucaia por 4 a 1 com postura agressiva sob o comando do treinador interino Léo Porto.

A busca pelo jogo ofensivo contra a frágil Raposa Metropolitana, na retomada do Campeonato Cearense, não foi à toa. A diretoria espera dar resposta imediata à torcida, frustrada pelo estilo defensivo implementado por Enderson Moreira. Com o ex-treinador, o Tricolor se tornou um time reativo e com baixa inspiração no ataque. O alvo em Ariel Holan prioriza o resgate da faceta agressiva do Fortaleza. O argentino já acertou a rescisão com o Santos e tem negociação avançada com o Leão.

Antes do início da Série A e da terceira fase da Copa do Brasil, onde encara o Ceará, o clube do Pici dá prioridade máxima ao Campeonato Cearense. Bicampeão do torneio, o Tricolor disputará o Estadual com o time principal, diferente do maior rival que decidiu usar equipe de transição.

“É uma vitória importante logo após uma eliminação. Precisava dar uma resposta, principalmente, com vitória e postura agressiva dentro do jogo. Fico feliz com o empenho de todos e mais contente pelo que os jogadores fizeram não só na partida, mas na semana de preparação. O mérito é todo deles”, comentou o técnico interino Léo Porto após a goleada sobre o Caucaia.

Enquanto o novo treinador não chega, Léo é quem vai preparar o time. O interino promoveu mudanças importantes para a partida contra o Caucaia, como o retorno do quarteto ofensivo formado por Robson, David, Matheus Vargas e Yago Pikachu. O ataque mais móvel parece ser a melhor opção para o Fortaleza evoluir.

“Me agradou a agressividade do time, de buscar sempre o gol. O adversário estava bem postado, e me agradou o empenho na busca pelo gol”, elogiou o treinador interino.

Destaque do confronto, Robson voltou a atuar como centroavante e deu conta do recado. O camisa 7 marcou dois gols na goleada e divide a artilharia do elenco com David, cada um com quatro na temporada.

“Fazia tempo que não marcava dois gols. É muito bom voltar a marcar. A gente sabe que atacante precisa fazer gols. Fico feliz de ajudar o Fortaleza dentro das minhas características. Me sinto à vontade tanto pela esquerda quanto por dentro. Já joguei outras vezes assim e vim para ajudar, para fazer gols e espero que seja só o começo”, disse o atacante.

O próximo compromisso do Fortaleza na temporada acontece nesta quarta-feira, 5, às 15h30min. Com seis pontos conquistados, o Tricolor é o líder da competição com 100% de aproveitamento após duas rodadas e enfrentará o Pacajus, que vem de empate diante do Ceará.

Fonte: opovo

Notícias Relacionadas