Jorginho celebra empate do Cuiabá e revela “promessa” a Renato Gaúcho: “Hoje não”

O Cuiabá foi ao Maracanã pela primeira vez em sua história e conseguiu segurar o Flamengo, na noite deste domingo, em duelo válido pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. O empate sem gols contra o vice-líder e detentor do melhor ataque da competição foi celebrado pelo técnico Jorginho.

– Foi um jogo planejado. A gente sabia do potencial e da versatilidade em termos de posicionamento do Flamengo, e conseguimos ser muito eficientes na nossa proposta. O adversário queria que a gente jogasse mais no ataque, que ficássemos um pouco mais expostos, mas era justamente o que não poderíamos dar para o Flamengo, que é um time muito veloz.

Companheiros no time carioca na época em que jogavam, Jorginho e Renato Gaúcho trocaram palavras antes do jogo. O treinador do Cuiabá revelou o teor da conversa: garantiu que o comandante rubro-negro não encontraria facilidade.

– É um trabalho maravilhoso que ele vem fazendo, já vinha fazendo no Grêmio, foi multicampeão lá e tenho certeza que terá muito sucesso no Flamengo, mas eu falei: ‘hoje não’. ‘Hoje você vai enfrentar o Jorginho que jogava contigo na lateral, que marcava muito, era forte, organizado. Não tem moleza’. Ele mesmo falou que ia enfrentar uma carne de pescoço. E foi isso, porque nossa equipe é extremamente aplicada.

Com o resultado, o Cuiabá se manteve na nona colocação do Brasileirão, com 35 pontos. Agora, a meta estipulada por Jorginho está há dez pontos de ser alcançada, e o técnico se assegura de manter os pés no chão.

– Viemos com a proposta de jogar por uma bola. Não adianta ficar tirando o pé do chão e pensar em Libertadores. Esquece. O que todos nós do clube queremos é a permanência. Essa sempre foi minha palavra. No momento que somarmos mais 10 pontos, vamos em busca de outras coisas. Se deixarem a gente chegar na Sul-Americana, maravilhoso. Se deixar chegar na Libertadores, é um sonho.

O Cuiabá volta a campo pelo Campeonato Brasileiro no próximo domingo, contra o líder Atlético-MG, às 15h (de MT), no Mineirão. Antes disso, a equipe tem um compromisso pelas oitavas de final da Copa Verde, na próxima quarta-feira, mas o elenco profissional não deve ser utilizado nesta partida.

Informações do site GE

Notícias Relacionadas